Numa manhã de sol, em Bengala, na Índia, nasce um elefante roliço e lustroso, descendente do casal de elefantes da Arca de Noé. Um dia, já adulto, ele é capturado por homens que o vendem para o Jardim Zoológico de Londres. No zôo, faz amizade com um antigo funcionário e até aprende a falar inglês. O elefante é vendido mais uma vez e vai parar no Grande Circo Lusitano, onde finalmente recebe um nome: Basílio.O Circo viaja para o Brasil e, na noite de estréia, o número do Elefante Basílio é um sucesso. De repente, um acidente acontece: o circo começa a pegar fogo. O pânico é geral, e Basílio salva um menino que estava na platéia. O pai do menino compra o elefante e o leva para casa.Uma vida nova começa para o Elefante Basílio, na casa do menino Gilberto, que fica no subúrbio do Rio de Janeiro. Tudo ia muito bem,       Basílio aprendia depressa a falar português e se divertia, até que um dia o elefante é acometido de uma tristeza muito grande e tem uma vontade extravagante: quer virar borboleta.O desejo de liberdade e a importância das relações afetivas são os principais temas de A vida do Elefante Basílio, publicado pela primeira vez em 1939. Eva Furnari, um dos grandes nomes do livro infantil brasileiro, assina as ilustrações e o projeto gráfico especiais da Coleção Erico Verissimo. Autor de livros clássicos como Olhai os lírios do campo e O tempo e o vento, Erico Verissimo começou a escrever livros infantis na década de 1930, mesma época em que estreava na literatura adulta. As histórias infantis do autor são marcadas por um estilo ágil, construído com frases curtas e bem-humoradas. Como era comum na época, as narrativas procuram divertir o leitor, mas também instruir e apresentar modelos de comportamento.

 

  • Capa comum: 56 páginas
  • Editora: Companhia das Letrinhas; Edição: 1 (10 de dezembro de 2002)
  • Idioma: Português
  • ISBN: 9788574061566
  • Dimensões do produto: 25,2 x 18,6 x 0,4 cm
  • Peso de envio: 662 g

A Vida do Elefante Basílio - Érico Veríssimo

REF: 9788574061566
R$ 42,90Preço